Rio Doce Vivo é um acervo digital do maior desastre socioambiental do Brasil, causado pelo rompimento da barragem de rejeitos da mineradora Samarco, em Mariana/MG, no dia 5 novembro de 2015.

Neste repositório você encontra relatórios, estudos, laudos técnicos, imagens, vídeos, processos judiciais e outros tipos de dados públicos que podem ajudar pessoas e instituições interessadas em (re)construir uma memória viva e acompanhar a responsabilização das empresas e das instituições cujas ações e omissões causaram a tragédia. Este é um protótipo para compartilhar os dados inicialmente coletados para o acervo.

Itens Adicionados Recentemente

VÁRIOS | Termo de Transação e Ajustamento de Conduta

https://s3-us-west-2.amazonaws.com/acervoriodocevivo/Documentos/termo_de_transacao_e_de_ajustamento_de_conduta_completo.pdf

Termo de Transação e Ajustamento de Conduta (TTAC) firmado entre União, IBAMA, ICMBio, ANA, DNPM, FUNAI, Estado de MG, IEF, IGAM, FEAM, Estado do…

MP/MG | Da lama à luta

https://s3-us-west-2.amazonaws.com/acervoriodocevivo/Documentos/mpmg_da_lama_a_luta.pdf

Após um ano do rompimento da barragem de rejeitos de Fundão, controlada pela mineradora Samarco, em Mariana, a lama, que deixou em ruínas o…

SOS MATA ATLÂNTICA | Análise do impacto sobre áreas de Mata Atlantica do rompimento da barragem localizada no subdistrito de Bento Rodrigues, no município de Mariana - MG

https://s3-us-west-2.amazonaws.com/acervoriodocevivo/Documentos/sosma_atlas_dos_remanescentes_florestais.pdf

Esta analise tem como base o “Atlas dos Remanescentes Florestais da Mata Atlântica”, desenvolvido pela SOS Mata Atlântica e o INPE. O estudo…